quarta-feira, 10 de maio de 2017

Os aviões...

E hoje o filho vai para o Porto, logo houve uma avaria qualquer, está há horas à espera de embarcar e nós pais sempre de coração na mão, ele está bem mas...vamos esperar mais um pouco...
Efectivamente desde o momento em que somos pais tudo muda, e não há um dia igual, desde pequenos até adultos, lá dirá a minha mãe que aos 73 anos ainda fica em estado de choque quando lhe digo que vou a Fátima e durmo uma noite fora...nunca sabemos como devemos agir, se devemos ser duros, se devemos ceder. Amiga Maria, nada de ser demasiado severa, mostra que o futuro pode ser duro, que as nossas escolhas podem ou não resultar, mas também não cedas demasiado, eu acho que se o teu filho não fôr treinador, ou um bom treinador, terá sempre futuro no "stand up comedy". Desculpa mas não consigo deixar de pensar no assunto, e no avião do meu filho...
Estou exausta, e só posso ir para a cama quando o telefone tocar, tenho tudo por preparar para amanhã, nem almoço fiz, jantámos em Lisboa. Marido, pai, já dorme (a diferença entre pai e mãe)...eu e o Asterix  estamos no sofá.


Até amanhã!!!

1 comentário: