quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Perdão...

Minhas amigas e fieis seguidoras deste meu diário digital, ontem não foi possível vir conversar convosco, mas foi por uma boa causa, posso garantir-vos!
Contrariamente ao que estava planeado o meu fim de dia foi alterado. Desde há muitos anos que nesta altura, em Fevereiro o mês de São Valentim, o mês do Amor, nós, eu e o meu marido tínhamos o feliz hábito de ir passear, passar um fim de semana por aí, até viajar, mas estes últimos anos, 2016 e agora 2017 não tem sido possível por vários motivos, e esta não foi excepção. Como tal nada tínhamos combinado para ontem, sendo que à hora de almoço o meu marido me perguntou se eu queria ir jantar fora, claro que eu disse sim. Quando cheguei do trabalho fomos à procura de restaurante aqui na zona, que o meu marido não queria ir para longe, ai começou o problema, fomos a todos os restaurantes que costumamos ir e aos que não é habitual e estava tudo cheio com tempo de espera meia hora ou 45 minutos, ora como nós não gostamos que esperem por nós, também não quisemos esperar (é horrível estarmos a comer com pessoas a olhar) e fomos procurando outros e nada...só me pergunto onde está a crise? Claro que todos temos direito a comer fora, mas até nos restaurantes ditos caros, nada de lugares vagos. O único sitio onde tivemos cabidela, para castigo do meu marido, foi aqui na Castanheira, na churrasqueira que todos adoramos mas que o meu marido nunca quer ir, porque os donos não respeitam os clientes pois no Verão chegam a estar 4 meses fechados, sem se importar com o facto de nos fazerem falta porque sabem que mal abrem portas a casa enche pois têm o melhor frango assado de todo o concelho e arredores. Azar dele, foi o único sitio onde mal entrámos, apesar de ter muita gente, nos arranjaram de imediato mesa e poucos minutos depois tínhamos um belo repasto à nossa disposição. Adorei este facto!!! Podíamos ter tido uma mesa romântica, com velas, corações e musica ao vivo, mas não tinha sido a mesma coisa !!
Quando chegámos a casa já não me apeteceu vir ao computador e fui dormir. Hoje chamaram-me à atenção, e com muita razão, de não ter tido o menor respeito pelos meus leitores, minha culpa, minha culpa, estou perdoada???? Dianinha minha querida menina, perdoas-me????





Estas coisas tornam a vida mais engraçada, e ás vezes são ensinamentos!
Hoje foi um dia agradável, boa disposição, muita conversa e passou super rápido.
Sejam felizes que eu volto amanhã, prometo!!!

1 comentário:

  1. O que interessa não é o restaurante, é a companhia! Beijinhos Marina!

    ResponderEliminar