terça-feira, 31 de maio de 2016

Da escola pública...

Estou farta desta polémica, eu estudei numa escola pública, o meu marido também e o meu filho também. Se querem escolas privadas paguem-nas, o mal foi o fizeram antes. Se eu quis que o meu filho falasse bem inglês paguei uma instituição privada, agora até inglês há desde a primária, se quis que o meu filho tocasse e aprendesse musica paguei. Porque raio hei-de eu pagar colégios a outras crianças?
Quando eu andava no décimo ano, a câmara  de Alenquer que me pagava o passe social para a escola, resolveu só pagar a quem andava na escola do concelho, ora eu andava em Azambuja desde o ciclo, 1º ano, não tive outra hipótese, os meus pais eram pobres e não me podia pagar o passe tendo eu outra possibilidade e aos dezasseis anos, tive de mudar de escola, de amigos e até de conhecidos. Passei a ir para a escola de Alenquer, onde ninguém se preocupou comigo. Fiz o 11º e o 12º ano, fiz novos amigos e fui uma miúda feliz!
Se calhar é por isso que encaro a vida de outra maneira. Não exijo nada, só respeito e profissionalismo, o que nem sempre consigo, mas isso é outra conversa!

Resultado de imagem para os amarelos

2 comentários:

  1. Também me parece que só faz sentido serem financiadas pelo Estado quando não existam escolas públicas na área

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar