sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Consegui...

Levar o meu pai ao hospital, apesar de ele não querer ir e de eu e a minha mãe não o querermos obrigar, somos às vezes pressionados pelas pessoas ao nosso redor, deves ir, deves fazer, seria melhor ir, seria melhor fazer. Entre a dúvida de o contrariar e o receio de não estarmos a fazer tudo o que seria necessário, eterno dilema o nosso, resolvi dizer à minha mãe vamos e pronto. Com muita calma e a glicémia demasiado elevada, lá consegui que ele dissesse, então está bem.
Lá fomos com muita dificuldade, entrou nas urgências às nove da manhã, saiu às sete da noite. Fez vários exames, tudo bem excepto os diabetes, temos de avançar para a insulina, ora esta questão para uma pessoa de 80 anos não é fácil, nem para mim...Como requer aprendizagem era necessário médico de familia, como ele não tem, pediu-se uma consulta de diabetes de urgência no hospital e só nessa altura levará insulina, agora trouxe nova medicação que espero façam efeito.
Digo-vos, a velhice é dramática...




Pelo menos, eu e a minha mãe, estamos de consciências tranquilas, estamos a tentar tudo o que é possível, ainda nos rimos com ele, chegou exausto de tanta confusão de gente doente que estava naquela sala onde ele passou o dia... 

Sem comentários:

Enviar um comentário