segunda-feira, 14 de julho de 2014

Cá estou...



Depois de uma manhã com a mãe, estou em casa a comer uma sopinha e a ver o programa do Goucha, e debate-se no programa se um casal deve ou não partilhar tudo, ou ter momentos de intimidade individual, e até separar até contas bancárias.
Bem vou dar a minha opinião, eu sou casada há vinte e três anos e partilhamos tudo, se um está na casa de banho e o outro lá quer ir, há liberdade total para estarem em conjunto, partilha-se tudo até o banho, conta bancária também o fazemos desde sempre, apesar de ele sempre ter ganho mais do que eu, sempre juntámos tudo num só bolo, e cada um gasta o que entende com a devida moderação, e se um acha que precisa de gastar mais do que o normal fala com o outro, pede opinião. Não há cá o meu e o teu, há o nosso. Apesar de o meu marido gostar muito de fazer mealheiros, sem eu saber, coisa que sempre me chateou muito, mas também os reparte comigo, portanto até sabe bem!
Claro que há coisas que cada um gosta mais de fazer, então cada um tem a hipótese de o fazer sem o outro, e isso é muito bom, sempre com o respeito do que o outro possa ou não gostar.
Eu sou completamente a favor de um casal partilhar tudo, para isso somos um casal, partilhamos casa, filhos, cama, enfim.
O que acham?

5 comentários:

  1. Marina, naquela parte de: "e partilhamos tudo, se um está na casa de banho e o outro lá quer ir, há liberdade total para estarem em conjunto". Não, comigo não dá. Existem momentos que são só nossos, não os partilhamos com mais ninguém, nem com a pessoa que está ao nosso lado. Porque estar junto também é saber que a privacidade faz parte de alguns momentos, isto na minha opinião, obviamente. Este tipo de partilha faz com que o romantismo se perca sem querer. Fica perdido algures. Não convém. Penso eu de que...

    Quanto a resto, com certeza que sim, juntos em tudo, sem segredos. Total transparência :)

    ResponderEliminar
  2. Aqui em casa também se partilha tudo excepto o wc, hahahahaha
    Aqui só o marido trabalha fora, mas também é tudo nosso.
    Bjos

    Maggie

    ResponderEliminar
  3. Não partilhamos contas nem casa de banho...aqui, em Lisboa que remédio pois só há uma, mas um de cada vez! :)
    Quanto a contas cada um tem o seu pelouro de despesas!

    Abraço

    ResponderEliminar
  4. Parece-me que se os dois pensarem da mesma maneira estará certo o que fizerem. partilhar tudo ou só partilhar parte...

    ResponderEliminar
  5. Já fui mais a favor, apesar de sempre partilharmos tudo.
    Beijinhos

    ResponderEliminar