terça-feira, 23 de abril de 2013

Noticias!
Hoje à tarde  vi um caso na televisão, no programa Boa tarde, que não abona em nada os Juízes do nosso país, e depois temos de dar razão ao Marinho, que diz que há juízes corruptos, eu própria me senti bastante mal com a situação.
Penso que perto de Gondomar, não percebi bem o sitio, foi encontrado morto um rapaz de 18 anos, que se deslocava de bicicleta, quem o encontrou aproximou-se da família, foi mostrar o local onde já muito tarde da noite ao passarem de carrinha, viram uma bicicleta, e foram procurar porque se havia uma bicicleta havia 
uma pessoa, chamaram, procuraram e encontraram  o corpo. A família acreditou em tudo isto, sempre sem saber quem teria atropelado o filho. Isto foi há um ano atrás, a família e esse casal que encontrou o corpo, foram ao programa da Sic, nessa altura, e o casal fez as descrições do corpo, que tinha vestígios de ter levado tareia, enfim uma historia elaborada. Entretanto, o casal passou a ser visita assídua da família  que andava muito revoltada sem nada saber, o julgamento é marcado e a família vai a julgamento, onde fica a saber que o tal casal que encontrou o filho, é que o matou, atropelou, e levavam uma carrinha cheia de coisas roubadas, batatas, couves e outros legumes e frutas, fruto de uma noite a roubar, a família fica destroçada. Resultado, como o condutor tem um bom emprego em Gondomar e é o sustento da casa, foi julgado por atropelamento, e a sentença foi dois anos de pena suspensa.
Que vos parece?
Pode ver aqui.
Este era o Fábio com 18 anos...
Foto: ENGANADA PELO ASSASSINO DO FILHO
Fábio tinha 18 anos e foi encontrado por vizinhos, na estrada, atropelado. 2 anos depois encontrou-se o culpado. Conheça o inesperado desfecho desta história!

E depois ouvimos a história do policia que disparou para o ladrão que é condenado a um ano de prisão militar da GNR pode ler aqui .

Isto será só em Portugal? 
                                    



11 comentários:

  1. Revoltante, a maior injustiça que pode haver.

    ResponderEliminar
  2. Marina, a família da vítima tinha de saber antes, porque quando deduziram acusação, pelomenos dois a três meses antes do julgamento, eles foram notificados de quem seriam os arguidos. Depois minha querida isto não tem nada que ver com os juízes. Tem a ver com a circunstância de o homicídio negligente (sim o atropelamento é um homicídio negligente) é punido com pena de prisão de 1 mês a 5 anos). Sabes os contornos do caso todos? Sabes se eles também foram condenados ou sequer acusados de lhe terem batido? Tal como os juizes nunca devem decidir sem antes ouvir todas as versões e todas as provas, também não devemos opinar só com base no que a televisão conta ou os jornais. Sei de casos que conheço de muito perto em que os casos foram contados de forma abusiva na TV e nada do que se passou no julgamento foi trazido à luz. Sabes qual é o mal disto tudo? É os juizes estarem proibidos pelo seu próprio estatuto de falarem com a imprensa sobre os casos que julgam. Os advogados podem dizer tudo o que lhes apetecer sobre os casos em que intervêm. Tenho-te como uma pessoa sensata, por isso não ligues ao que dizem na TV sem saberes os contornos da história toda. Também sei muitas cenas do Marinho Pinto...mas não vou aqui revelá-las!

    ResponderEliminar
  3. Aceito erros dos juizes. São humanos e como tal, em todos os lados há gente competente e incompetente, séria e corrupta, mas nunca, nunca se deve opinar com base nos relatos fantásticos que se fazem na TV!

    ResponderEliminar
  4. ás vezes dava-me vontade de sair por aí a distribuir murros e pontapés! esse país já nem valores morais tem.
    Como estás hoje? Beijinho*

    ResponderEliminar
  5. Em Portugal há muita coisa mal, mas sem dúvida para mim a pior das "chagas" é a Justiça.

    Estás melhor boneca?

    jinhossssss

    ResponderEliminar
  6. Parece-me mal muito mal...e mostra precisamente como vai a justiça em Portugal...aliás consequência direta de tudo o resto que por aqui se vai passando!!! Triste...muito triste!
    Bjs
    Maria

    ResponderEliminar
  7. Realmente há "coisas" que não se entende.
    É assim que o nosso estado nos protege? pois parece que sim.

    ResponderEliminar
  8. Corrpção há em todo o lado, infelizmente :(
    O que EU acho vergonhoso é a capacidade de um ser humano fazer tudo isso a outro... e de quem tem o poder de "julgar" ser tão leve na justiça. Uma verdadeira tristeza!

    Um beijo doce xxx

    ResponderEliminar
  9. Este país só prende os pobres e que não fazem mal a ninguém...cada vez acredito menos na justiça deste país!

    ResponderEliminar