quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Internamento...

Ontem não passei por cá, foi um dia difícil...Fui de manhã com o meu pai ao médico particular, como vi o meu pai tão fraco, ainda tentei que o médico viesse a casa, mas sem êxito, levei-o com muito esforço. Assim que ele entrou, o médico apercebeu-se da sua fraqueza, e ao oscultar detectou arritmia, e diabetes muito altos, pior ainda, escreveu uma carta e mandou-me de urgência para o hospital. Lá fomos nós. Contei tudo novamente à enfermeira da triagem, à médica de serviço, nova avaliação ao pai, soro, insulina, exames, tudo até às cinco da tarde quando somos, eu e mãe, chamadas para a médica nos dizer que ele ia ficar internado, pois tudo o que fizeram durante o dia, não mostrou resultados...
E dizer-lhe que ele ia ficar internado...foi horrível, até que ele olha para mim de diz, eu fico mas ela tem de ficar comigo e aponta para a minha mãe.
Cinquenta e cinco anos juntos, mais vezes de rezingas do que bem, mas nesta hora um não vive sem o outro. Ela a chorar, ele de cabeça baixa só a suspirar. Não desejo a ninguém este tipo de situação.


4 comentários:

  1. Desejo que melhore rapidamente e que a situação se resolva da melhor maneira possível.
    Um xi-coração.
    Tina

    ResponderEliminar
  2. As rápidas melhoras do pai, muita força para a mãe e para ti também:)) beijinho.

    ResponderEliminar
  3. Já passei por isso com o meu pai, que também quis que a minha mãe ficasse com ele. Muita força e boa sorte para rapidamente poderem voltar para casa.
    um beijinho
    Gábi

    ResponderEliminar
  4. Muita força Marina, vai acabar tudo bem.

    Beijinho

    ResponderEliminar