quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Quando iniciei...

Este blog, não foi por protagonismo, não foi por ambição, foi por querer motivar-me dia a dia apesar dos problemas que tinha na altura, não é de todo minha intenção andar a proclamar a minha felicidade ou não.
Eu quero mesmo ser uma pessoa feliz, e para mim a felicidade está nas coisas simples da vida, talvez porque já passei por algumas coisas nada fáceis, sei também que houve quem passasse por muito mais difíceis, e sei colocar-me no lugar delas.
Sou uma pessoa muito simples, quem me lê e me conhece percebe exactamente isso, não sou pretensiosa nem ambiciosa, poderá ser um defeito, mas isso cabe a cada um assim o decidir.
Sou mesmo, quase sempre, uma pessoa feliz, mas às vezes deixo-me abalar por pequenas coisas que me dizem, que me fazem, e isso eu não vou permitir mais. Sou como sou, quem gosta de mim fica, quem não gosta vai. 
Não vivo euforismos, vivo pacificamente, tomo as minhas decisões e mantenho-as, respeito e muito, opiniões diferentes, apesar de me entenderem mal, cedo demasiadas vezes, não devia, não sou inferior a ninguém, mas também não sou superior a ninguém.
Apenas quero da vida, viver feliz com quem amo e com quem me ama, tenho a vida que posso ter, claro que gostava de ter mais, mas não invejo ninguém e se alguém alguma vez pensou isso de mim, é uma pena...
Fui criada no campo, nasci de uma familia pobre, o meu infantário foram as vinhas e os tomatais onde a minha mãe trabalhava arduamente de sol a sol, isso fez de mim uma pessoa simples e a dar valor a todas as pequenas coisas, tenho muito orgulho nos meus pais, por me terem educado como educaram.
Volto a repetir, sou uma pessoa 90% do meu tempo feliz, e quero continuar a sê-lo, este meu cantinho é um diário pessoal, e não tenho pretensões com ele, não tenho idade, nem tempo para me desiludir mais com pessoas, quem quer fica comigo, quem não quer vá embora, tenho conhecido pessoas fantásticas, mas tenho tido desilusões, e não quero mais isso na minha vida.
Não tenho tempo para isso.
Não tenho moderação nos comentários deste blog, porque não temo nada que me possam dizer, não devo nada a ninguém, SÓ QUERO VIVER FELIZ!!!


SEJAM FELIZES!!!!
 
 

8 comentários:

  1. E que este te diário te continue a fazer feliz!
    O resto não interessa nada rapariga:)

    Jinhooooooossssss

    ResponderEliminar
  2. E que continues a viver e a partilhar essa felicidade

    ResponderEliminar
  3. Beijinho Marina :)
    Que continues assim. Que eu o consiga da mesma maneira. Isto ultimamente anda a 70% de alegria... sou optimista... vou ali em busca dos outros 20% que os 10% menos bons são necessãrios também :)

    ResponderEliminar
  4. Não faço ideia o que aconteceu e/ou se alguém te tentou molestar, mas olha, perdoa-ma o meu Português, mas caga nisso. Eu, gosto do teu canto e de ti. gosto de pessoas assim, que são alegres, dão valor à vida e principalmente que me ajudam a tentar ser melhor, através daquilo que escrevem e que me comentam.
    Beijo grande Marina

    ResponderEliminar
  5. Costumo ser boa a decifrar enigmas daqueles do Rui Espírito Santo, destes não! :)
    Quanto ao conceito de felicidade cada um tem a seu porque somos todos diferentes!
    Não me considero uma mulher feliz...tenho momentos felizes e isso já me basta, sei que não voltarei a sê-lo na sua plenitude mas isso são contas do meu rosário!
    Se és ou procuras sê-lo tanto melhor para ti e folgo com isso...penso que quem te visita folga com isso também! :)

    Abraço

    Rosa dos Ventos

    ResponderEliminar
  6. Não acredito na felicidade total, Tenho momentos de felicidade...

    Não me queixo da vida...podia ser melhor...contento-me com a que vou tendo.
    O meu "cantinho" é um passatempo que manterei enquanto me apetecer...
    Também não tenho moderação de comentários...

    Tentemos ser felizes e viver o dia a dia o melhor possível!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  7. "tenho a vida que posso ter, claro que gostava de ter mais", se a Marina gostava de ter mais quer dizer que é ambiciosa e isso não é de todo mau, antes pelo contrário. Ser ganancioso é negativo, ser ambicioso q.b é muito positivo. Torna-nos melhores em todos os sentidos.

    Já o ser feliz não é um bolo, digamos assim, são mais fatias desse bolo, a bem dizer migalhas que se vão conquistando de vez em quando. Como é que é possível ser completamente feliz, se, por exemplo, vemos um amigo de que tanto gostamos com uma doença terminal? Só somos completamente felizes se nos fecharmos no nosso mundo e não olharmos ao nosso redor. Penso eu. Portanto, na minha opinião, convém ser feliz aos soluços (eheheh).

    A moderação de comentários é uma boa opção só para não deixar entrar más energias vindas de gente que gosta de arrasar e insultar outros, sejam os donos do blogue, sejam as pessoas que comentam. Portanto, corta-se o mal pela raiz, no meu caso até os anónimos cortei. Ou assumem o perfil, ou não entram. Ponto final parágrafo. Gente cobarde é atirada borda fora. Lá está, não é uma questão de temer ou não temer, é uma questão de não lhes dar a importância que pretendem. O mal estar que pretendem causar. Gentinha...

    Boa noite, Marina :)

    ResponderEliminar