segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Tenho de aprender...

a pôr para trás das costas coisas sem importância, ou que para os outros não têm importância e eu dou-lhes demasiada...mas não consigo.
Tento deixar fluir a minha vida naturalmente, mas há coisas que não consigo deixar de lado, não consigo não dar importância, não consigo manter-me neutra...
Pequenos problemas no trabalho, coisas que me incomodam, que não concordo, coisas que ouço, vejo e sinto...trago para casa no pensamento, e me dominam na totalidade, não consigo deixar lá...todos afirmam que o que se passa no trabalho fica no trabalho, mas comigo não é assim...e pior é que me fazem muitas vezes sentir mal e não sei como dar a volta a isto. O que eu gostava de ser diferente, não me preocupar com nada a não ser comigo, a não me chatear, a olhar para a frente sem medos, e não querer saber dos sentimentos dos outros se ficam ou não magoados, se ficam ou não bem, só para eu estar bem. É que a maioria das pessoas não se importam com os outros, mas eu não consigo...estarei errada? Deveria não querer saber e passar por cima do que quer que seja para eu estar bem?
Hoje estou cheia de dúvidas e receios, ansiedades e chateações, gaita que não mudo...
A ver vamos como vai ser o dia (noite) de trabalho hoje...


E


Sou mesmo uma pessoa de incongruências...

4 comentários:

  1. É normal não ficares indiferente ao que te rodeia :)

    ResponderEliminar
  2. Isso só revela que és uma pessoa sensível e boa...reagir ao que nos rodeia é positivo...depois só temos de perceber o que é realmente importante e o que não é..porque por vezes damos mesmo importância a coisas que o não têm eu tenho aprendido isso no meu percurso de vida!
    Bjs
    maria

    ResponderEliminar
  3. Nem parece teu...sempre tão para cima!
    Vamos lá animar!

    Abraço

    ResponderEliminar